Olá gente linda do meu coração!

No episódio de hoje Faça Você Mesmo: Planner 2017!

Mais um Faça Você Mesmo aqui no blog. Hoje aqui tem como eu montei meu planner em casa. O molde não é meu, a criação é toda do blog Na Estante, mas eu conto como eu fiz a montagem e dou algumas dicas também para ajudar no processo.

Essa alternativa é uma alternativa econômica, já que os planners pela internet afora estão por preços surreais (achei até por R$480!!!). No meu eu gastei aproximadamente 70 reais, e ficou lindinho!

Então bora lá ver como ele ficou e como fazer o seu.

Qual a diferença entre um Planner e uma agenda?

Um planner é uma agenda mais completa. Na agenda a gente geralmente tem apenas espaço para algumas informações simples + datas; no planner você tem muito mais campos, para não somente anotar seus compromissos, mas também para criar metas e definir objetivos.

Então acaba sendo melhor não só para você organizar seus compromissos, mas para organizar a sua vida também!

Como montar o seu

O meu planner é no formado A5 (meia folha de papel) e eu baixei no Na Estante os arquivos. Na minha opinião o planner da Michella é o mais organizado e bonito que encontrei, por isso escolhi ele.

Os arquivos da Michella são bem explicativos, e tem até as linhas de corte. Então é só seguir mesmo, é super tranquilo.

Eu fui na papelaria e comprei dois tipos de papéis diferentes: um metálico para fazer a capa e as divisórias e um branco para fazer o conteúdo do planner. Escolhi papéis de 120 de gramatura, o que funciona bem, mas se eu fosse fazer um agora eu escolheria o papel de 180g para fazer as divisórias, e elas ficarem mais durinhas.

Faça você mesmo planner

Importante: A gramatura mínima da folha tem que ser 90g, para que a caneta não vaze para o outro lado.

Capa personalizada

Para fazer a capa dura eu imprimi as minhas imagens no papel metálico e colei em papelão. Imprimi um pouco maior do que o tamanho do papelão, para conseguir fazer uma dobra e “embrulhar” o papelão. E para fazer o acabamento interno você pode colar o papel ou então imprimir alguma estampa para ficar mais bonitinho!rs

A dica para imprimir sua imagem: vá no Word e coloque o arquivo em formato paisagem. A largura é cerca de 60% do tamanho da folha, então preste atenção para não passar mais e a imagem ficar cortada. Você pode pegar a imagem que você mais curtir e deixar como capa e/ou contra-capa.

Depois é mandar encardernar em qualquer gráfica (eu paguei R$10 pelo serviço) e pronto!

Eu estou completamente apaixonada pelo meu! A capa e as divisórias ficaram brilhantes e a caneta não vaza pelo outro lado do papel, é super tranquilo e fica bem bonito.

Mais uma dica que dou: no papel metálico você tem que ter cuidado redobrado, porque o papel tende a borrar – tanto na impressão como na hora de escrever. Por isso não recomendo o metálico para as páginas onde vai vai escrever, so nas divisórias.

Se você quiser deixar as divisórias ainda mais durinhas você pode colar o papel contact transparente.

Eu quero o meu!

Para garantir o seu é só ir no Na Estante, e baixar no site da Michella. Ela fez um trabalho super legal, então não deixem de agradecer.

Ela disponibilizou vários modelos de capas, mas eu preferi por criar a minha, com a minha cara. Então o miolo ficou exatamente como baixei do blog da Michella, mas a capa e a contra-capa ganharam versões Dani Polis!rs

E esse foi o resultado final! Não ficou lindo?

Eu queria agradecer mais uma vez à Michella por ter disponibilizado um planner tão completo e tão bonito! Tá de parabéns mesmo!

Se você fizer o seu, não se esqueça de usar a hashtag #meuplanner2017 porque quero ver quem fez o seu!

Beijos e até o próximo post!