Meu Diário

Furando Piercings

Oi gente!

Hoje vim pra contar a minha experiência com Body Piercing. Não é a primeira vez que faço um, mas todas as outras vezes eu deixei o furo fechar ou por desleixo ou por vontade. Nesta semana eu resolvi que queria reabrir um dos meus furos e fazer um outro que sempre tive vontade mas que nunca fiz por conta de trabalho.

Bem, meus outros 2 furos eu tinha feito com a então namorada do meu primo, em Uberaba. Ou seja, não conhecia nenhum lugar de confiança pra fazer aqui. Depois de alguns conhecidos terem feito tatuagem na Nautica Tattoo, resolvi ir lá furar meu piercing.

O estúdio de Santos fica dentro do Shopping Praiamar, no Canal 5. O lugar é um dos mais conhecidos da baixada, e tem toda a classe “rocker” de estúdios de tatuagem e piercings. Entre os clientes VIPs, o queridinho (mas não por mim)  Neymar.

Eu mal lembrava o que era furar um piercing. O primeiro foi aos 18 anos no umbigo (tendência da época) e está fechado há mais de 5 anos. O segundo furei aos 21, e por bobeira minha fechou há uns 3 anos.

O piercer (pessoa que faz o piercing) resolveu furar meu nariz primeiro. Como senti doer! Meu nariz é muito sensível (mas sensível mesmo) e quando ele furou lágrimas involuntárias escorreram só do meu olho esquerdo. Tanto que as fotos só saíram com caretas ahaha Foi dolorido, eu confesso, mas confesso que também não sou a pessoa mais suscetível a dor que conheço.

Depois o furo da orelha, que foi feito em cima do meu antigo furo e que nem doeu tanto assim. Acho que eu estava anestesiada pela dor do primeiro furo =)

piercing_1

piercing_2

E hoje, como está? Eu adorei =) Claro que vem aquela série de cuidados especiais para que não infeccione ou algo do gênero. Muitas pessoas não tomam os devidos cuidados com o furo, e por isso acabam sofrendo algumas consequências.

Muitos lugares também passam uma lista enorme do que não pode comer (o que mais parece um regime do Vigilantes do Peso), mas a Náutica passou uma lista de recomendações, entre elas evitar comer carne de porco ou frutos do mar e tomar banho de mar ou piscina, por causa das impurezas. O que é normal.

Duas fotinhos pra ver como ficou, depois da cara de dor! Só clicar que amplia!

piercings
E você, tem coragem? Gostaria de fazer?

Comenta aí  =)

Daniele Polis
Paulista e Paulistana, sou louca por viagens, fotos, moda, sapatos e compras. Adoro comidinhas, bons drinks, coisas geeks e sempre sonhei em ser uma princesa Disney. Também escrevo no Trippolis.

6 Comentários

  • Dani, seu cabelo tá azul?? =D
    Eu furei meu umbigo com 15 anos… leia-se: eu furei com uma agulha de costura! kkkkkkkk
    Fiquei 3 semanas com ele, aí inflamou e tirei… depois fui numa loja de piercings e furei com 18 anos, tudo bonitinho, aí inflamou de novo… a Terceira vez eu devia estar com 19 e doeu um pouco, mas nada que morresse, tenho ele até hoje.
    O nariz, ah, esse sim doeu… saiu sangue, chorei, fiquei com ele dolorido e só pra variar a mulher furou torto, ou seja, toda vez que vejo um piercing legal eu tenho que quebra-lo pra poder colocar no nariz… esse sim, é um lugar que se fechar eu não furo nunca mais! hehehehe xD

  • Dani, seu cabelo tá azul?? =D
    Eu furei meu umbigo com 15 anos… leia-se: eu furei com uma agulha de costura! kkkkkkkk
    Fiquei 3 semanas com ele, aí inflamou e tirei… depois fui numa loja de piercings e furei com 18 anos, tudo bonitinho, aí inflamou de novo… a Terceira vez eu devia estar com 19 e doeu um pouco, mas nada que morresse, tenho ele até hoje.
    O nariz, ah, esse sim doeu… saiu sangue, chorei, fiquei com ele dolorido e só pra variar a mulher furou torto, ou seja, toda vez que vejo um piercing legal eu tenho que quebra-lo pra poder colocar no nariz… esse sim, é um lugar que se fechar eu não furo nunca mais! hehehehe xD

Deixe uma resposta